Últimas postagens

Tipos de rodas para deixar o seu carro estiloso

Muitas pessoas gostam de deixar o seu veículo estiloso, mudando o perfil dele, incluindo uma série de acessórios que fazem com que o possante fique mais parecido com o dono.

Nesse caso, existirá sempre a dúvida sobre o gosto de cada um, mas é inegável que algumas combinações trazem ainda mais beleza para o veículo. E existem diversos itens no veículo que podem sofrer alguma transformação, fazendo com que ele fique totalmente diferente de quando saiu da loja.

Para aqueles que gostam de personalizar o carro, há sempre um alerta relacionado às leis de trânsito, pois um veículo não pode desrespeitá-las e, mais ainda, colocar em risco a vida de terceiros. Portanto, esse cuidado deverá sempre ser tomado pelo dono do carro que quer fazer uma mudança nele.

Passada essa fase, existem algumas modificações em alguns itens que podem ser feitas, sem maiores problemas. E, um dos itens que mais modificações recebe é a roda. E este texto tem o objetivo de ajudá-lo a escolher os melhores tipos de rodas para você incluir no seu carro.

Vamos a elas!

Os tipos de rodas que você poderá colocar no seu carro são:

Rodas de aço – conhecidas também como rodas de aço com calotas, esse tipo de roda é mais voltado para modelos esportivos. Feita totalmente em aço, em algumas delas, é utilizado o aço escovado. São diferentes das rodas de liga leve, pois essas rodas são mais indicadas para andar por lugares em que o piso oferece diversas variações, como pedras e buracos. Elas resistem bem a esses tipos de solo e é mais resistente quanto a possíveis amassados. Tem um valor inferior se comparado com as rodas e liga leve, mas são mais pesadas.

Rodas de liga leve – se diferenciam das rodas de aço pois não possuem calota e são produzidas com uma liga de alumínio, facilitando o seu design, permitindo mais beleza à roda. Graças ao alumínio, essas rodas são mais leves e bem resistentes, pois têm silício na sua composição.

Composta por metais, formam uma liga metálica menos pesada. Além disso, dá um estilo ao carro e traz benefícios para o sistema de suspensão, não exigem muito do carro, o que o faz economizar no consumo de combustível.

Leia Mais

Fiat Cronos – tudo o que você deve saber!

 

Fabricado na Argentina, o Fiat Cronos chegou ao Brasil em março desse ano e já está fazendo um sucesso entre os brasileiros. Com o objetivo de ser o novo sedã dos brasileiros, o Cronos chegou para marcar território. Imponente, sua força está sendo prevista no número de veículos vendidos nesses dois meses no país.

Provavelmente deverá ocupar o lugar o Grand Siena, que deve deixar de ser fabricado num curto período de tempo. O Cronos chegou com preços acessíveis aos brasileiros, com as suas versões variando de R$ 53.990 a R$ 69.990. O Cronos apresenta diferentes versões, mas não mudou muito a sua mecânica, nem a tecnologia.

Versões do Cronos

O Fiat Cronos pode ser encontrado em cinco versões, sendo elas: 1.3, Drive 1.3, Drive 1.3 GSR, Precision 1.8 e Precision 1.8 AT.

As versões completas de carro podem alcançar valores acima daqueles citados no texto. A versão completa do modelo Precision 1.8 AT pode chegar a custar até R$ 80.330,00.

Informações sobre o Cronos

Por mais que seja um Sedã, o Cronos não é um veículo que pode ser considerado muito grande. Mede 4,36 metros que nem fazem muita diferença num design que realmente atrai qualquer motorista.

Sendo muito bem desenvolvido, passa a exatidão das medidas em todas as partes do carro, tanto na frente, quanto atrás. Possui uma frente esportiva, com para-choques e elementos estéticos próprios, o que dão mais personalidade ao Cronos.

Possui a parte traseira leve, com a assinatura em LED, realçando as formas do carro.

Possui faróis de LED, rodas em estilo ambíguo, podendo ir do estilo elegante do Drive até o esportivo e de alta performance, com o Precision. Suas rodas podem ser em aro 16 ou 17, dependendo apenas do modelo escolhido.

Na parte interna, o volante multifuncional dá o tom do veículo. Possuindo múltiplos ajustes, multimídia Unoconnect com Android Auto (Maps, Waze e Whatsapp) e Car Play, câmera de ré, bancos de couro, retrovisor eletrocrômico, ar-condicionado automático, display TFT no quadro de instrumentos, sensor de pressão dos pneus, sensor de chuva e crepuscular, entrada e partida sem chave, controle de cruzeiro, sensor de estacionamento, direção elétrica, retrovisores com rebatimento elétrico, trio elétrico, estão presentes. Claro, dependendo da versão.

 

Leia Mais

4 acessórios baratos para começar a tunar o seu carro!

A arte de fazer uma modificação visual no veículo é conhecida como tunagem. Ela é capaz de deixar totalmente diferente o carro, deixando a impressão de não se tratar mais do mesmo veículo.

Tudo isso para que ele possa ficar cada vez mais parecido com o seu dono, que acredita que determinadas opções são corretas quando se trata de personalizar o carro.

Embora existam diversas pessoas e entre elas, vários gostos excêntricos, é preciso ter cuidado quando for personalizar o veículo e estar sempre atento quanto às regulamentações impostas pelo Contran.

Para ajudar você motorista que deseja tunar o seu veículo, este texto trará quatro acessórios baratos, para que comece a personalizar o seu grande amigo. Além de baratos, são itens que você poderá fazer a personalização, sem sofrer qualquer tipo de sanção depois.

1 – Rodas

Você pode começar por baixo, nas rodas do veículo. Tanto os pneus quanto as rodas podem ser personalizados. Você pode deixar as rodas do seu veículo iluminadas, dando um ar futurista a elas. Você pode deixá-las iluminadas com luzes de LED coloridas ou então, aplicar LED na parte interna dos pneus. As rodas coloridas ficam bonitas quando o veículo está em alta velocidade. As luzes custam entre R$ 80 e R$ 120,00.

2 – Faróis

Serviço que já entra com um pouco mais de trabalho, pois necessita mexer na parte elétrica do veículo. Este serviço deve ser feito por um profissional e você não pode colocar uma luz que vá atrapalhar o outro motorista. Você pode optar por quatro tipos de personalização: Máscara Negra, Farol de Milha, Farol Esportivo e Farol de LED.

Dependendo do item que for escolher, esse valor varia entre R$ 120 a R$ 5.500,00.

3 – Friso lateral

Esse item é indispensável, até para aqueles que não querem personalizar o veículo. Além de darem um charme a mais ao veículo, ele protege a sua lateral contra batidas. Podem ser de borracha, plástico ou adesivo resinado.

Custa entre R$ 13 a R$ 430,00.

4 – Capa para banco

As capas para o banco deixam o veículo com o seu interior mais personalizado, fugindo da mesmice e normalidade. É fácil de instalar e possui diversos modelos, cores e materiais.

Custa entre R$ 40 e R$ 600,00.

 

 
Leia Mais

Jeep – Por que ele é um carro tão querido?

Sabe quando você tem um espírito aventureiro e gosta de cruzar o país de ponta a ponta em busca de novos lugares, conhecimentos e culturas? Sabe quando você quer ter um carro que possa te oferecer o céu como limite, onde você não teme qualquer tipo de estrada que vier encarar? Sabe quando, ao mesmo tempo em que você quer passar por cima de qualquer buraco, você quer ter conforto e uma boa dirigibilidade?

Então, isso tudo acima você encontra no Jeep, o veículo que vem se tornando o queridinho dos motoristas. Por tudo o que ele proporciona, faz e é, seu custo se equivale diretamente. Um veículo possante, forte, imponente, que sabe o que é, o que encara, não teme rodovias e estradas brasileiras, simplesmente passa por cima delas e segue em frente.

Quem o compra não se arrepende, pois ele oferece até mais do que as expectativas mostravam. Você já tem um veículo querido para chamar de seu? Ainda não? Então fique por aqui e confira o motivo do Jeep ser um veículo tão querido.

O Jeep possui uma incrível mistura de estilo, recursos e função que foram projetadas para que você tenha inspiração quando estiver com as mãos no volante. Ele se tornou um carro popular, querido, porque possui um novo desenho, onde impuseram nele a robustez, já característica da marca, combinando com um espaço interno surpreendente, além de ser um modelo refinado, com um alta tecnologia.

Ele é querido porque possui os mais variados itens que são considerados essenciais para um veículo que te faz enfrentar qualquer oponente, seja ele o buraco, as estradas em má conservação, o trânsito sempre engarrafado, entre outros.

O Jeep é um carro querido porque, além de apresentar todos os recursos que o faz ser um veículo totalmente diferente de todos os outros, ele é capaz de ter oferecer segurança, onde você e a sua família estão protegidos com mais de 70 itens, que te deixam verdadeiramente envolto de uma proteção que só o Jeep oferece.

Venha ser mais um a reconhecer a popularidade do Jeep!

Leia Mais

Dicas para tunar o seu carro

Se você está por aqui e não sabe o que significa tunar, não fique preocupado. Ficará sabendo a partir de agora.

Tunar o seu carro significa por uma arte nele, o embelezá-lo. Mas engana-se quem pensa que é uma novidade. Essa arte nasceu junto do veículo, lá no século XIX quando surgiu a necessidade de personalizar os veículos de acordo com o gosto dos donos.

 

O que é tunar?

Tunar é a arte de modificar a aparência do veículo, modificando também o seu desempenho. Grande parte dos veículos zero quilômetro é configurada para atender aos pedidos dos seus donos.

As possíveis mudanças no veículo visam melhorar a economia de combustível, a dirigibilidade e a energia.

Mas não é qualquer coisa que você pode modificar no seu veículo. É preciso conhecer a Resolução do Contran, número 292. Com isso, fugir da multa será a sua melhor mudança.

 

Mas quais acessórios eu posso colocar no carro?

Se você tem o desejo de personalizar o seu carro, aqui vão algumas dicas que deixarão o seu veículo com a sua aparência.

São eles:

Capota marítima

Dando um aspecto estético diferente, a capa marítima ajuda na aerodinâmica e também a proteger da chuva e da sujeira. Sua instalação é simples e não danifica o veículo. O material com o qual é confeccionado assegura a durabilidade da capota, além de conservar o veículo. Ainda pode ser acrescentado com encaixe rápido e sistema antifurto.

Lâmpada Super LED

A lâmpada H4 Super LED é perfeita para o seu veículo. Ela contem o que há de melhor em aproveitamento de energia e brilho, com uma ampla iluminação, sendo mais potentes que as lâmpadas convencionais, obtendo mais destaque e qualidade no seu desempenho.

Sua durabilidade chega a 50.000 horas de intensa potência, duração e estabilidade.

DVD Automotivo

Não há nada melhor do que um DVD automotivo para te acompanhar no trânsito. Ele é capaz de sintonizar rádios e reproduzir discos de CD e DVD, a grande maioria os DVD’s atuais possuem recursos extras que facilitam e dão conforto à sua vida dentro do veículo.

Leia Mais

Honda Civic

A arte de tunar um carro significa que você pode inserir nele diversos acessórios para que o carro fique cada vez mais ao seu estilo. Tunar o carro é uma arte que é utilizada pelo mundo inteiro, onde você pode adicionar e alterar os elementos do veículo, onde você pode alcançar um nível máximo de modificação, tornando-o totalmente irreconhecível.

Mas essas modificações não ficam restritas apenas à parte exterior do veículo, o motor e outros diversos recursos do carro também são alterados, tornando o carro bem mais potente, moderno e consequentemente mais bonito.

E um dos veículos mais utilizados pelos amantes da estilização de carros é o Honda Civic. Ele que é um dos sedans mais vendidos do Brasil, possui diversos modelos com estilos esportivos, que passam um conceito de movimento ao veículo.

É esse detalhe que faz dele ser perfeito para ser tunado. O tipo de tunagem do veículo vai de acordo com a cara que o seu dono quer dar a ele. Alguns vão preferir deixar o carro como ele era, adicionando apenas alguns detalhes, justamente para não deixá-lo sem ter um “q” do dono nele.

Já outros gostam de fazer uma transformação por completa nele, modificando todos os itens possíveis, fazendo com que seja impossível o veículo ser reconhecido, deixando muitos impressionado e incrédulo de que o veículo que acabou de ser tunado trata-se de um Honda Civic.

O modelo do Honda Civic vai dizer que tipo de transformação poderá ser feita nele. Dificilmente você verá alguém que tenha o modelo sedan dele arriscar o veículo e fazer algumas mudanças espalhafatosas nele.

Como dito antes, o Honda Civic é o carro mais utilizado por aqueles que gostam de fazer algumas modificações nos seus possantes, mas o que importa é que o próprio modelo escolhido ditará o tipo de transformação a ser feita.

Não adianta você pegar um modelo considerado bonito, e enchê-lo de parafernálias. Isso só irá estragá-lo e mostrará a todos como o seu gosto é duvidoso.

Portanto seja simples. Assim como os modelos do Honda Civic, que podem sofrer mudanças, tanto no seu interior quanto no seu exterior, o que possibilita várias opções para fazer alterações. Motores, rodas e os aspectos exteriores ao os lugares que mais recebem modificações.

Leia Mais

Honda Civic no estilo esportivo – Como deixar esse modelo perfeito?

Muitas pessoas gostam de estilizar o seu veículo, deixando-o ao seu gosto. É bonito você ver passando pelas ruas um carro estilizado. E geralmente, você estilizar o seu carro é deixá-lo como você quer ou então, colocá-lo igual a outro modelo que você viu, mais famoso. E existem diversas demonstrações de como personalizar o seu carro.

Ao passar pelas ruas, ainda mais à noite, podem-se perceber diversos carros estilizados. São incrementações de acessórios que os fazem ser únicos.

E existem diversas formas para deixar o seu veículo estilizado. Você pode modificar as rodas, o teto solar, capô, a pintura do veículo, rebaixar o carro, colorir o interior, enfim, uma infinidade de acessórios pode ser colocada e transformar o seu veículo, até colocar o Led Neon Adesivo.

Esse Led é colocado numa parte do veículo, dando o efeito de luminosidade. Faz uma diferença em relação aos outros veículos porque será posto a cor que você quiser e a tonalidade conseguida será a que desejar.

Existem centenas de acessórios legais para o seu veículo e diversas modificações que você pode aplicar nele, ficando ao seu critério quais e onde irá modificar. Lembrando que tunar um veículo é questão de gosto e, evidentemente, você tem que fazer o que você acha que é legal, que fica bom. Não o que os outros vão pensar.

E se você quiser dicas de como deixar o seu veículo Honda Civic no estilo esportivo, fique por aqui que este texto lhe ajudará a estilizar o seu possante.

 

O que fazer para deixar o Honda Civic com modelo esportivo?

A primeira situação a ser imaginada é o rebaixamento do veículo. Através dele você consegue fazer com que o seu carro fique com um estilo de carro de fórmula Indy. É bonito, mas é preciso ter cuidado quando forem executar esse serviço.

Outra coisa são as rodas. Carro esportivo com roda original não vale. É preciso passar por uma estilização na roda, mudando-a e a adequando ao rebaixamento realizado no veículo.

E que tal colocar um aerofólio e estilizá-lo com uma pintura e vidros fumê? A visão que você dará no seu veículo será única e certamente, ele ficará com um ar mais esportivo.

Leia Mais

Como tunar um Fusca?

O grande Fusca, que foi o primeiro carro de muita gente e causa em todos aquele ar de saudosismo, para muitos que não conseguem se desfazer dele, viram uma excelente oportunidade de estilizá-lo, deixando-o como querem.

Acontecer que nem todas as pessoas possuem gosto ou sabem exatamente o que fazer para que eles consigam tunar o carro de forma que ele fique apresentável e estiloso.

E justamente para aquelas pessoas que não conseguem fazer ou não têm consciência de como poderão personalizar o seu Fusca que este texto está sendo elaborado.

O Fusca é um bom carro e se adapta a qualquer situação. Quer analisar e ver o que você poderá fazer no Fusca? Fique por aqui que as informações serão passadas.

 

O que fazer para transformar o Fusca?

A primeira coisa a se fazer é observar o desenho do carro. Veja a preferência, o que você quer fazer nele. Analise a potência, o som, a estética, motor, enfim, o carro todo e veja quais pontos você quer modificar.

Após essa análise, você já decifrou as partes que passarão transformação, agora é escolher o que vai do seu agrado.

Umas das principais características do Fusca e que certamente você poderá incrementar nele é o som. O Fusca já contém um acústico que facilita para os instaladores de som automotivo. Caso tenha a oportunidade, veja a diferença do som no Fusca e em outros carros. A acústica dele é bem melhor.

Outra forma de tunar o seu Fusca é pintando-o. Uma pintura nova, com uma cor que pode chamar a atenção o deixará mais bonito. Além disso, o seu interior poderá receber bancos de couro e até estilizar os acessórios que possui, combinando-os com a pintura, fazendo com que o veículo esteja mais estilizado.

Completando a estilização do Fusca, é importante observar o lado externo do carro também, além da pintura. Você poderá trocar algumas peças dele, modificar as suas rodas, implantar um outro motor, tudo para deixar o seu Fusca mais bonito.

E, se você quiser colocar um motor no Fusca, o mais recomendado e mais utilizado é o do Santana 2.0. Seu Fusca ficará mais potente e quem sabe, com toda essa estilização, ele não comece a falar?

Leia Mais

O que é REALMENTE permitido na hora de tunar carros?

Muitas pessoas gostam de deixar os seus carros do jeito que gostam e, com isso, usam e abusam de acessórios que os deixam destacados dos outros veículos.

Geralmente essas customizações são feitas de acordo com o gosto do proprietário do veículo e, por mais que uns possam achar que o gosto é meio duvidoso, há de se destacar a coragem para que o carro fique exatamente como ele quer.

Acontece que, nem toda tunação que é feita no veículo é permitida, muitas são feitas às margens do Contran, Conselho Nacional de Trânsito, o que é perigoso, pois podem ocasionar acidentes de trânsito, afetando não só o motorista, como também outras pessoas que nada têm a ver com a situação.

Para que isso não ocorra com você que gosta de enfeitar o veículo, este texto visa ajudá-lo, informando o que realmente é permitido ser customizado no veículo.

Segundo as leis do Contran, as alterações podem ser realizadas, desde que não interfiram na categoria e nem no desempenho do veículo, só sendo possível realizá-las através de uma autorização do DETRAN. Os itens que podem ser customizados são:

Faróis de Xenon

Até pouco tempo atrás era proibida a utilização de faróis de xênon no veículo, mas ainda assim, as pessoas customizavam com este item. Essa proibição caiu por terra quando a Volkswagen lançou uma linha de veículos já com este farol incluso.

Para colocar os faróis, é preciso ter cuidado e ir a uma loja especializada nesse serviço, mas nada o impedirá de colocá-los.

Kit Aerodinâmico

Não há nenhuma resolução no Contran que impeça o uso de spoilers laterais e traseiros. Portanto, pode ficar à vontade para acrescentar essas peças no seu veículo.

Motor

Não existe nada que impeça a modificação do pneu. Colocar turbina, garrafas de nitro e filtro de ar esportivo são liberados, desde que o dono do veículo tenha liberação dos órgãos responsáveis.

Além disso, é possível alterar a potência do motor, mas a reprogramação da injeção deve ter a autorização dos responsáveis pela verificação.

Pneus

Os pneus podem ser modificados, mas eles precisam respeitar o tamanho dos para-lamas, não podendo ser maior do que eles.

Rodas

O veículo, em hipótese alguma, poderá ser rebaixado. A alteração nos amortecedores só poderá ser feita nos modelos fixos e as suspensões só poderão ser feitas a partir de uma aprovação do Inmetro e do DETRAN.

Leia Mais

Fiat 147 – Por que ele foi sucesso?

A montadora FIAT lançou em 1976 o modelo 147, que a princípio, não tinha nada que chamasse a atenção, tendo sido lançado sem muita expectativa.

Acontece que o lançamento do FIAT 147 foi um sucesso, o que fez com que a fábrica da empresa, que havia sido instalada em Betim, na cidade de Minas Gerais, em Belo Horizonte, fosse para fora doe estado, tamanho o sucesso do veículo nos mercados.

O modelo foi baseado no carro italiano 127, lançado no ano de 1971. Logo assim que foi lançado, foi considerado o carro do ano, pela imprensa especializada de diversos países e, no ano de 1975, se tornou o veículo mais vendido na Europa, chegando à marca de 500.000 unidades.

Quando foi lançado, o modelo tinha um desafio grande, pois iria competir com o Fusca, com o Chevette e com a Brasília, todos eles sucessos de vendas no Brasil.

Assim que lançado, o FIAT 147 foi denominado “carrão pequeno”, o primeiro veículo nacional com motor transversal. Antes de ser lançado, o veículo foi testado por mais de um milhão de quilômetros a fim de pôr em prova a estrutura, o desempenho, o consumo, a robustez da suspensão e da tração dianteira.

Apresentado ao público no ano de 1976 no Salão de Automóvel, no lado de fora do Parque de Exposições do Anhembi, em São Paulo, possui um circuito de 300 metros de extensão, onde um funcionário da fábrica levava os curiosos para darem uma volta no modelo.

Possuía uma potência tímida, embora não fraca, com uma tecnologia mais avançada que a dos seus concorrentes, conseguindo ter uma performance parecida com a dos outros carros da época, mas com uma eficiência maior no que diz respeito ao consumo de combustível.

Era um veículo com motor 1.0 que fazia páreo com os concorrentes de 1.4 e 1.6, ainda fornecia uma economia no combustível. Isso se dava graças ao seu baixo peso e pequenas dimensões.

Possuía um bom espaço interno, modernizado, ergonômico, além de possuir o estepe junto ao motor, liberado mais espaço, aumentando mais ainda o bom espaço do porta-malas traseiro.

Tinha diversas categorias, como o Hatch, o Sedã Compacto, a Perua e a Pequena Picape.

Foi sucesso de vendas até 1984, onde teve a sua linha de produção finalizada.

 

Leia Mais